Vídeo caseiro que caiu na net vadia gulosa preparando seu cu pra pica entrar gostoso taradão do rio de janeiro

92 visualizações

1 min 4 seg

Categoria:

Tag:

92 visualizações

1 min 4 seg

Categoria:

Tag:

Vídeo caseiro que caiu na net vadia gulosa preparando seu cu pra pica entrar gostoso taradão do rio de janeiro

Vídeo caseiro que caiu na net vadia gulosa preparando seu cu pra pica entrar gostoso taradão do rio de janeiro

Fica para a próxima!""Minha esposa se chama Raquel, Raquel da buceta gulosa.

O padre admirou por um instante, ela olhou pra trás e disse_ pensei que não ia chegar mais, estou preparando algo, você quer comer o que?E olhava com cara de safada. Nossa que deliciaaaa… Na minha imaginação eu estava em um quarto de motel com algum homem desconhecido me fodendo gostoso, na minha cabeça não vinha nenhum rosto conhecido, apenas imaginava que esse macho não era meu marido.

mais meu marido ensistiu muito e topei tirei tudo e não e por ser eu não mais sou mais meu corpo agrada a muitos sou morena cor de cuia como falam seios durinhos e uma cintura de dar inveja tenho um bundão bem empinhadinho pernas grossas mais continuando tirei a roupa fiquei peladinha toda depiladinha ficamos num conto na praia se arretando meu marido começo pelo meu pescoço e foi descendo e nisso percebi que já tinha um taradao espiando confesso que gostei de ver o cara ali nos olhando e se masturbando e continuei fiz de conta q não vi fui pra frente do meu marido e peguei no pênis dele que e uma delicia e fui da uma mamada com o rabo bem empinado pois sabia que o outro estava atraz olhando meu marido o avistou e o chamou pra participar e eu bem sem vergonha deixei ele pega na minha bunda e eu continuei a a babar no pau do meu marido enquanto o outro metia de na minha bucetinha q já estava lambuzada meu marido pego minha cabeça e forçava no pau dele depois me virou de costas pra ele e meteu no meu cuzinho enquanto o outro metia na minha buceta e chupava meus seios os dois estavam quase gozando e eu adorando ter os dois dentro de mim me ajoelhei aos pés deles e os dois gozaram com vontade nos meus peitos….

No meu computador a rebuscar sites “interessantes”, salvando vídeos e imagens de teor altamente capcioso, quando o whatsapp me avisa. Chegou perto de mim e se apresentou: “meu nome e Sarah e o seu?” Fiquei meio paralisada, gaguejei um pouco, mas por fim acabei por dizer: ” me chamo Gabriela!” Conversamos um pouco, descobri que ela tambem morava no Rio de Janeiro, que ela tinha na verdade 19 anos e eu percebi que estava do lado de uma menina incrivel… ela era diferente de todas as pessoas que eu conhecia, ela era decidida, toda cheia de si, nao tinha medo de nada e de ninguem, so fazia o que queria na hora que queria, era simplesmente demais!! E ela me fitava, me olhava no fundo dos olhos de um jeito que chegou a molhar a minha calcinha! Enquanto conversavamos as minha amigas voltaram e eu as apresentei, elas se deram muito bem! Na hora que iamos embora a Sarah disse aonde estava hospedada e as minhas amigas prometeram que passariam la para passarmos a noite juntas numa boate! Eu estava meio nervosa, estava ficando perigoso para mim estar ao seu lado, cada segundo que passava ela me atraia mais! Mas nao teve jeito, a noite passamos em seu hotel… foi a primeira vez que eu a via produzida,as outras duas vezes ela estava de biquini, e ela estava linda, nao parecia uma menina de 19 anos, parecia mais velha, vestia uma saia preta ate os joelhos, uma bota preta e uma blusa branca de alca, bem decotada, que realcavam bem os seus lindos seios!!! Fomos para a boate e ficamos dancando! Uma hora eu fui ao banheiro pois estava morrendo de vontade de fazer xixi, ele estava completamente vazio, fui fazer xixi e quando abro a porta do box dou de cara com a Sarah na minha frente, a cumprimentei e fui para a frente do espelho ajeitar o cabelo! Entao ela me abracou por tras e me beijou a nuca! “O que e isso?”-protestei tentando me soltar! Ela entao sussurrou no meu ouvido: “queridinha, eu sei que vc ja sacou qual e a minha e com ceteza nao esta dando corda a toa… e se estiver, agora nao tem mais jeito” disse isso e comecou a beijar a minha orelha!! Estava completamente louca com aquilo, o meu coracao batia forte, meu corpo todo tremia e o que eu mais queria era me entregar completamente aos carinhos daquela garota experiente, mas a minha cabeca falou mais alto e eu me soltei e fui embora sem olhar pra tras! Minutos depois ela apareceu aonde estavamos eu e as minha amigas, nao se ouviu um palavra sobre o acontecido no banheiro e a noite continuou muito agradavel! Nos dias que se seguiram tentei evita-la o maximo possivel, nao fiquei perto dela na praia, e convenci as minhas amigas a nao mais convida-la para passar a noite conosco. Fui dirigindo e quando entramos na auto-pista, ele me começou a dizer coisas que me deixaram doido de tesão, falou que desde o dia que me conheceu, ficou com uma vontade enorme de transar comigo e aí, eu que sempre tive uma fantasia de entrar em um motel com um policial, propus a ele, que fossemos agora, pois ele ainda tinha umas tres horas até iniciar seu plantão e ele topou na hora, pois já estava escurecendo e na portaria do motel não iria ter problema.

Ela gemia deliciosamente, e a cada tapa na bunda que tomava, ela repetia “ah como é bom ser vadia”. ola sou joao carlos tenho 42 anos casado ha 20 anos com uma mulher conservadora nunca tivemos lua de mel entam com os filhos criados resolvemos sair de viagem para uma chacara no interior de sao paulo saimos na sexta feira a noite e chegamos de manha cansados o caseiro e sua esposa nos receberam bem eram um casal de mais ou menos 50 anos a esposa era mais nova uns 40 anos logo ela se enturmou com a minha mulher eu e o sr antonio o caseiro nao somos de muita conversa tambem ficamos bem eu sai com minha esposa a cavalo pelo mato fomos ate uma cachoeira comecei a beijar ela logo estava transando eu sempre tive tesao por ela mais aquele lugar me deixou com mais esquecemos do tempo e veio o sr antonio ver oque aconteceu quase vio a gente sem roupa fomos para a casa dormimos um pouco a noite resolvemos sar e ir ate a casa do caseiro ja que nao tinha ninquem conhecido por perto ao chegar la eles estavam transando com a porta aberta o sr antonio estava comendo o cuzinho da esposa ficamos olhando um pouco e voltamos pra casa minha mulher es tava molhadinha e eu de pau duro comi ela na varanda tentei comer o cu dela mais nao deixou disse que tinha medo de doer nao insisti e dormimos de manha a esposa do caseiro veio buscar minha esposa para nadar no lago eu fiquei descansando depois fui tambem escutei uns gritos e me abaixei e vi minha mulher de quatro e seu antonio comendo ela a esposa dele armou tudo nao tive reacao fiquei olhando de pau duro o cara tem um pau duas vezes maior que o meu ela nunca gritou e gemeu daquele jeito comigo me senti um trapo fiz de conta que nem vi quando voltaram eu disse que iriamos embora no outro dia pois tinha negocios pra resolver ela concordou a noite tentei comer ela mais ela nao quiz sai pra fora e camihei ate o lago sr antonio veio atraz e ficamos conversando sem deixar ele saber que eu vi tudo pois estava humilhado eu senti tesao ao lembrar da cena ele me pediu para ver meu pau estranhei mais ele disse que queria me chupar vi ali a chance de me vingar sem jeito eu neguei mais ele pegou no meu pau e abocanhou tudo dizendo meu gostoso comi sua mulher mais queria era te dar naquele escuro via so o vulto dele me chupando entao senti meu pau endurecer ele lambia eu ja nao aguentava mais nunca tinha feito isso com homem ele se virou e eu comi o cuzinho dele ele senou em cima de mim e com a mao acariciava meus graos e passaca o dedo no meu cu eu estava gostando ele tentou me comer mais nunca dei e ele era pauzudo demais depois de um tempo resolvi experimentar ele cuspiu no pau e veio empurrando quando entrou a cabeca senti tanto tesao que me abri e ele pois tudo doeu muito mais ele nao parou ate colocar tudo eu estava quase gozando ele tirou e pediu pra chupar ele me chupava e esfregava o pau duro na minha cara entao eu bati uma pra ele e gozamos depois como se nada tivesse acontecido voltei pra casa abracei mimha esposa no outro dia despedimos deles e fomos embora nois nunca haviamos trido um au outro la fizemos tudo eu sabia dela e ela nao sabe do que eu fiz ate hoje nunca esqueci a cena dela com outro e me mastuebo de lembrar a transa minha e aquele cara que alem de comer minha esposa me comeu tambem.