Pamela sentando no vibrador

Pamela sentando no vibrador

Pamela sentando no vibrador

Ela amoleceu e aproveitei pra lamber a buceta dela e o cuzinho também, ela se arrepiou toda e disse que tinha dado o cú poucas vezes mas não estava nem ai, falou “ hoje meu marido vai ser corno por completo! Vou voltar pra casa até com o cú esfolado” eu não perdi tempo, pedi pra ela dar uma chupada na minha rola e lubrifiquei bem o cuzinho dela e fui colocando bem devagar, ela nem reclamou, começou a gritar de tesão e falou que eu podia socar até o talo no rabo dela e eu meti com gosto, depois ela pediu pra vir por cima e foi sentando no meu pau até sumir tudo no rabo dela, ela ficou rebolando e começou a gritar que estava gozando… eu não aguentei e gozei no cuzinho dela.

"Olá, meu nome é Pamela, tenho hoje 30 anos, mas ainda assim sou bonita, tenho pele clara, cabelos longos até o meio das costas e originalmente loiros, mas agora castanho escuro, olhos verdes, lábios rosinha, seios de tamanho médios, redondinhos e durinhos, mamilos durinhos e de cor rosada, barriguinha sarada, por fazer academia e também praticar artes marciais, meu bumbum hoje é grande, mas não exagerado, é bem redondo e firme, minha vagina sempre foi bem rosadinha e apertadinha, e pernas bem bonitas.

Ela então levantou-se e apoiou os cotovelos na mesa, arrebitando a bunda gostosa e oferecendo a ele sua buceta carnuda, visível por baixo da saia curta e pela transparência das rendas da pecinha íntima minúscula. Excitadíssima, arrebitei a bunda, passei mais um pouco de lubrificante no brinquedo e o enfiei no meu cuzinho quase que de uma vez… O prazer que senti foi indescritível, o consolo me penetrou até a base, e eu sentia o vibrador tremendo dentro da minha bunda… Senti meu cu piscando incontrolavelmente de tesão…– Aiii seu puto safado.

minha melhor amiga se chama barbara conheço ela desde pequena e a dois anos estamos em uma amizade colorida. Ele soltou uma das minhas pernas para ficar com uma mão livre e enfiar um dedo dentro de mim.