JapaCasadaGata esposa putinha rebolando e levando na bucetinha no carnaval 2018

JapaCasadaGata esposa putinha rebolando e levando na bucetinha no carnaval 2018

JapaCasadaGata esposa putinha rebolando e levando na bucetinha no carnaval 2018

Assim que passou o Carnaval fechei 3 dias no Hotel Panorama na praia de Pitangueiras no Guarujá pra curtir com Julia. bom depois de ter afastado olhou para ele fixamente nos olhos abaixou e com sua boca lentamente pois se a engolir o caralho dele e ela contou com ar de safada que chegando ate a base do catete desse cara parou sorvendo por um minuto e voltando lentamente quando alcançou a glande ele na resistiu jatos de porra grossa saiu do seu caralho atingindo todo rosto e seios de minha esposa e ele nao suportando aquilo tudo agarrou sua cabeça apertando contra seu membro ainda esporrando esfregando a cara de minha esposa lambuzava toda e chingando ele de puta vadia ela disse que nesse momento ela gozava copiosamente sem um membro na vagina so com a cara apertada no pau desse colega de trabalho que a deixou num estado que breve vou enviar para vcs por que quis que ela fizese tudo assim comigo. Já estava começando a arder quando senti ele aumentar o ritmo e ele gritava “REBOLA MINHA PUTINHA SAFADA QUE SEU MACHO VAI GOZAR NESSE CÚ” foi então que as estocadas ficaram mais fortes e sentia bater bem lá no fundo até que depois de muitos minutos eu senti uma pressão enorme enquanto ele me apertava forte entre os braços até sentir algo quente me invadindo por dentro e escorrendo para fora das minhas nádegas e mesmo após ter gozado ele continuou bombando (a essa altura eu já havia me entregado por inteiro ao prazer e já estava gemendo feito uma fêmea naquele pau) por algum tempo até cair suado do meu lado. Fiquei de joelhos, na frente das pernas musculosas e lisas de Rodrigo, levando uma vara na goela e uns tapinhas na cara. Ele baixou seu short e colocou a língua bem no cuzinho,ela deu um gemido baixo,e ficou rebolando na língua dele. Mas quando cheguei em casa, eu vi uma cena que já mais queria ver, no sofá da sala eu já vi a saia e a blusa da minha irmã, entrando pelo corredor, encontrei a sua calcinha, na porta do quarto encontrei o seu sutiã a minha irmã estava de quatro em cima da cama, com o pau do meu marido socado no seu cuzinho, me aproximei e fiquei olhando, ele fodendo o cuzinho da minha irmã, quando o meu marido me viu, ele falou oi amor tira a roupa e venha se divertir, minha irmã estava gemendo e rebolando no pau do meu marido, ela olhou pra mim e falou, vem cá maninha deixa eu chupar a sua bucetinha, vem que eu vou fazer você gozar na minha boca.