Casada Rabuda Sentando o Cuzinho na Pica do Marido até Gozar

1 min 4 seg

Categoria:

Tag: , , , , , ,

visualizações

1 min 4 seg

Categoria:

Tag: , , , , , ,

Casada Rabuda Sentando o Cuzinho na Pica do Marido até Gozar

Casada Rabuda Sentando o Cuzinho na Pica do Marido até Gozar

Quando chegou na parte da dupla penetração da menina, ele enfiou um dedo no meu cuzinho, era o que estava faltando, algo no meu rabinho, me senti preenchida, gozei na hora.

Certo dia vendo na internet alguns sites de casais, homens que faziam questão de mostrar a mulher, comecei a tirar fotos dela, depois coloquei num site, logo logo comecei a receber mensagens, dizendo que ela era gostosa, que queria come-la e etc, passei a comprar calcinhas pra ela, ela logo notou e dizia que eu era doido, um dia disse que um casal queria sair conosco que o cara era mais velho como ela gosta, sei que ficou com tesão pois fez amor como nunca, aquilo foi o sinal verde que nos encontrarmos, marquei pra conhecer o amigo, fomos a um barzinho, o cara muito legal e todo em forma disse que já tinha saido com alguns casais, que sua mulher as vezes ia, gostei da conversa e convidei para irmos no final de semana para nosso sitio, assim foi, ele a esposa, a minha esposa tinha se depilado todinha, no inicio foi meio frio, então eu disse que iria ver o sitio que ficassem a vontade, ela colocou umas cervejas pra gelar e assim fiz, demorei uma hora só pra ver o que poderia acontecer, voltei pra casa e vi que estavam bem animados, quando entrei a minha esposa e a dele estavam sem sutiã, só de calcinha minha esposa tinha ido a geladeira pegar mais cerveja na volta vi que estava só de fio-dental e sandalias, e nossa amigo só de cuecas, ela me deu um beijinho serviu cerveja pra todos e sentou no colo de nosso amigo, que passou a beija-la e pegar no seus seios, me deu um tesão louco, acho que ficaram mais desinibidos quando me viram, pois a esposa dele começou a mamar nos seus da minha mulher, me esposa se levantou piscou o olho pra mim e mostrou o pau do amigo que realmente era bem desenvolvido, minha esposa foi no quarto rapidinho com o oleo na mão, passou na sua xoxota, ele deu uma camisinha pra ela, ela colocou no pau dele, passou o oleo no seu pau e foi sentando no seu pau de costa pra ele e de frente pra mim, foi encaixando seu pau até entrar todinho, depois ficou subindo e descendo eu tava punhetando enquanto a mulher dele ajudava a Sofia a fuder seu marido, não demorou e ela começou a gritar, dizendo que tava gostoso e tava gozando, gozou ficou com as pernas bambas, sai de cima dele a esposa, tirou a camisinha e sentou em cima de seu pau, gozou também e o cara nada, dai ele chamou as duas, ficou pegando nas xoxotas delas e elas punhetando ele até ele começar a chamar as duas de putas de gostosas e gozou lambuzando a cara das duas, descansaram, eu ja tinha gozado, foram pro banho os 3, voltaram de toalhas, Sofia colocou uma calcinha a esposa dele também, ele de cueca e assim foi o restante do dia, nos despedimos e marcamos outro dia. Mas quando cheguei em casa, eu vi uma cena que já mais queria ver, no sofá da sala eu já vi a saia e a blusa da minha irmã, entrando pelo corredor, encontrei a sua calcinha, na porta do quarto encontrei o seu sutiã a minha irmã estava de quatro em cima da cama, com o pau do meu marido socado no seu cuzinho, me aproximei e fiquei olhando, ele fodendo o cuzinho da minha irmã, quando o meu marido me viu, ele falou oi amor tira a roupa e venha se divertir, minha irmã estava gemendo e rebolando no pau do meu marido, ela olhou pra mim e falou, vem cá maninha deixa eu chupar a sua bucetinha, vem que eu vou fazer você gozar na minha boca.

a gente sabe que vc vai voltar putinha rabuda, e me comeram quase que diariamente por uns 40 dias….

Falei também que havia terminado com uma coroa casada, porque as desconfianças do marido corno estavam dificultando os encontros. Ele sem ação tentou sair, mas eu segurei sua perna com a outra mão e disse baixinho, só um pouquinho… Ele parou e espantado me viu enfiar a mão por dentro do short e tirá-lo pra fora, era lindo…Eu segurei bem rente a sua barriga, bem na base e então levei até meu rosto e cheirei, beijei, e comecei a chupar…Não demorou nem dois minutos e ele começou a esporrar, tirei a boca na hora e voou porra em todo o meu rosto, aquele cheiro forte me excitou mais ainda, depois de duas doses grossas de porra, eu pus a boca e comecei a chupar de novo, ele soltou mais dois jatos mais ralos, ele realmente não transava a muito tempo e acabei engolindo… Seu pau ainda continuava duro e eu continuei a chupá-lo com gosto, o que com Ricardo não era tão frequente, estava inebriada, foi qdo levantei e puxando ele pelo pênis o levei até o banheiro, tirei meu short e minha calcinha e abaixei na pia e qse implorando pedi pra ele transar comigo, ele tava super assustado, não sabia o que fazer, então peguei o pênis de novo e me posicionei facilitando o máximo sua penetração…comecei a empurrar meu corpo pra trás e senti ele me penetrando, estava tão molhada que ele com um pênis duro dando o dobro do meu marido entrou lisinho e aquele barulho peculiar ecoou no banheiro… Eu gemi e fui voltando meu corpo, acho que só consegui ir até o meio, pois já estava tremendo e empurrei de novo pra trás, comecei a gemer mais ainda, qdo senti sua mão em meu quadril e ele começou a bombar devagar…comecei a gozar e me senti mais molhada ainda… Começou a tirar qse tudo e empurrar de novo, era indescritível aquela sensação, estava segurando na pia e tentava empurrar meu corpo mais em seu pênis, senti ele parar e não aguentando comecei a rebolar loucamente num frenesi sem controle e muito, mas muito rápido.