ARROMBEI O CUZINHO DA CASADA NO MOTEL

ARROMBEI O CUZINHO DA CASADA NO MOTEL

ARROMBEI O CUZINHO DA CASADA NO MOTEL

Sai daquele motel, desejando fazer o retorno e entrar de novo.

até q Paulo gozou dentro do meu cuzinho foi otimo sentir aquele leitinho quente dentro de mim. Um dedo e já escorria lágrimas dos olhos da menina, ela estava ofegante tentando aguentar a dor como uma heroína:-Olha Mariangela, eu acho que não vai dar, eu sou bem dotado, arrombei tua prima que pelo visto já estava cansada de dar o rabo,você não está preparada…Ela ficou bem chateada, até um pouco envergonhada, choramingando ficou pedindo como criança:-Mas papai, eu quero…você sempre dá um jeito…pode forçar eu juro que aguento…não vou chorar nem gritar…É… a menina queria mesmo, mas não sou irresponsável além disso mesmo safadinha e querendo complicar minha vida é minha filha! Não pretendia estourar o cúzinho dela, não mesmo!-Olhe minha filha, vamos nos divertir. Eu chamei meu marido a principio ele não quis ir estava conversando com os amigos falou para eu ir sozinha, na mesma hora fui para casa da minha irmã chegando lá na mesma hora me pôs pra cozinha ela adorava minha comida além de não saber cozinhar muito rs, abriu uma garrafa de vinho e uma garrafa de caipirinha perguntou sobre o cunhado q não foi comigo, expliquei a ela e ficamos ali fazendo tira gosto e rindo das coisas da vida dela e das minhas e bebendo nosso vinho e a caipirinha ela me contava da relação dela com seu boy e eu a vida de casada, dávamos altas gargalhadas acabamos a primeira garrafa de vinho fomos pra segunda quando derrepente chamaram no portão ela foi atender era meu marido na hora pulei no seu colo já alterada e falei só faltava vc pra ajudar acabar com esse vinho, minha irmã só ria ele estranhou pq não somos de beber muito, indagou estamos comemorando algo rimos da cara dele e falamos não bobo ficamos bebendo sozinhas deu nisso, ele prontamente pegou seu copo e nos acompanhou estávamos na sala ouvindo musica não tinha maldade nenhuma no ar a tv ligada sem áudio fui passando os canais quando caiu no sex hot nos olhamos na hora e gargalhamos denovo, minha irmã se levantou trancou a porta disse está perigoso para vocês irem dormem ai, eu já estava esparramada no chão mesmo nem liguei ela não trabalhava no dia seguinte mesmo já estávamos todos pra lá de baguida.