Arrebentando O Cu Da Novinha

Arrebentando O Cu Da Novinha

Arrebentando O Cu Da Novinha

Foi nesse instante,que Gilmar questionou sobre o parto e informei que tinha sido normal,foi quando ele perguntou se ela ainda sentia algum desconforto na região da vagina e ela respondeu que não e que já estávamos mantendo relações normalmente e confirmei. Ela pensou e saiu um pouco da sala, voltou, disse que também tinha tirado a calcinha, tava de pijama curto, pouco acima do joelho. – Sua puta, você gosta do pau do meu maridinho,né safada?!Vagabunda você gosta de saber que esta com o que é meu, e eu amo dividir com você!Chupa ele bem gostoso, ele gosta até o fim não é mesmo amor? – E o marido dela começou a entrar no jogo dela e trocar provocações – E aí está gostando de ver mais uma mulher me dando prazer, está gostando?Olha bem o que essa puta faz em mim amor, você tem tesão no seu macho arrebentando boceta de puta né? – Só sei que eu não estava nem me importando quem eu era ali, se eu era a Marina, ou a puta daqueles dois, estava tudo tao maravilhoso excitante que eu realmente não me importava com o papel que eu estava interpretando!Bem…nunca tinha olhado até pelo menos quinta-feira à tarde. Esperei até ela liberar e começei a bombar devagar, que coisa gostosa, que rabinho apertado…Ela rebolava, gemia e pedia mais, eu já tirava o pau quase todo e metia rasgando, ela gritava sempre pedindo mais:-AAAHHHH…Isso tio! É para fuder mesmo…come o cú da tua novinha…AAAHHHMMM…Seu safado…não tem vergonha de comer o cú da sobrinha assim seu FDP! ME FODE TIO!!! Viu como sou uma putinha?Comecei a tirar todo o pau para fora e meter com força, cada vez que tirava me assustava com o cú dela arrombado, um buraco enorme todo vermelho e inchado, meu pau todo melecado tinha pequenas marcas de sangue, a menina estava arrombada e quase gozando, o castigo não durou muito e ela gozou mais uma vez de maneira escandalosa, tremeu toda e gritou muito, quase desfaleceu.

Estava com uma blusa branca que marcava muito seus seios e sutiã.